Artigos

Jornada do Cliente.

 

 

No início do século passado vivemos a era da produção em massa, e a oferta de bens era menor que a procura. Posteriormente, após a 2ª guerra mundial, vivenciamos um período de equilibrio entre oferta e demanda. Destacaram-se então os movimentos  que permitiram ganhos de eficiência e produtividade nas empresas. Ações de qualidade nos produtos e processos foram implementadas pela empresas e necessárias para sua competitividade.

Gradativamente, com o avanço das tecnologias e processos, a oferta foi se tornando superior à procura. As estratégias de marketing e vendas passaram então a serem utilizadas. No mundo de negócios atual, em adição as ações de eficiência operacional, qualidade e marketing, as organizações tem buscado incorporar processos que proporcionem a melhor experiência a seus clientes e público-alvo.

As opções de produtos e serviços ofertadas aos consumidores crescem sistematicamente, sendo  o atendimento às expectativas e necessidades dos clientes decisivo para o sucesso e sustentabilidade da empresa.

A jornada do cliente é um grande caminho para visualizar e entendê-lo verdadeiramente e como ele interage com seu fornecedor de produto e serviço, antes, durante e depois de sua utilização. Cada detalhe tem o potencial de criar experiências memoráveis ou azedar um relacionamento. A experiência com o fornecedor deve ser emocionalmente satisfatória e diferenciada.É indicada tanto para relações B2B quanto para B2C, podendo ser utilizada por empresas industriais, de serviços, varejo e comércio.

Buscar melhorias, diferenciais e inovação em serviços e produtos tem sido uma das tendências das empresas, buscando capturar e manter seus clientes através de sua investigação e análise.

O mapeamento das emoções do público-alvo em todos os pontos de interação com o fornecedor e produto, habilita a empresa a identificar barreiras de adoção e implementar ações para melhorar o nível de satisfação e fidelização de clientes.

Confira também:

Assertividade de produtos e serviços inovadores no mercado.

Como vender produtos e serviços inovadores.

Construção de um modelo estruturado de Inovação